sankofa - retorna à página inicial

MARANHÃO 669: JOGOS DE PHODER

2015

A partir do documentário Maranhão 66, filme pouco conhecido da cinematografia de Glauber Rocha, Maranhão 669 - Jogos de Phoder atualiza a potência estética do cinema glauberiano articulando-o com o pensamento histórico de Walter Benjamin. Traça pontes entre poéticas corporais performativas e o inconsciente político brasileiro, numa trama onírica que investe nos processos ritualísticos de produção audiovisual. Com acento nitidamente ensaístico, recolhe fragmentos de raiva poética que cintilam entre o erótico e o infernal, a psique e a política, o real e o imaginário, o documental e o ficcional. (texto de Ramúsyo Brasil)

Longa-metragem

Direção: Ramúsyo Brasil

Montagem: Naýra Albuquerque

Atuantes: Lauande Aires, Elton Panamby, Áurea Maranhão, Tieta Macau, Cris Campos, Bruno Barata, Filipe Espindola, Batman Pobre, Yuri Brito, Carolina Libério, Jane Maciel, Matheus Santos e Ramúsyo.

EXU.bmp
SETA.bmp
EXU.bmp